Marketing Digital

Tráfego de Referência: O Que é e Como Entender Essa Métrica do Google Analytics?

tráfego de referência

Hoje, tão importante quanto criar um site para seu negócio é monitorar de perto seu desempenho. Pensando nisso, vamos falar sobre tráfego de referência, uma métrica do Google Analytics que diz muito sobre a performance da página.

Continue lendo e veja dicas e informações sobre como aproveitá-la ao máximo para potencializar os resultados da sua agência.

O que é tráfego de referência?

Para colher bons frutos com o portal da marca, é necessário saber avaliar os números que essa ferramenta traz. Isso porque ela oferece dados valiosos que vão te ajudar a entender o comportamento das páginas.

No marketing digital, o tráfego é um dos principais medidores, pois analisa os visitantes que chegam ao site por outros links. Ou seja, demonstra por qual canal os usuários chegam ali, como uma campanha de mídia paga ou um guest post.

A partir disso, você consegue identificar o impacto que esses links estão causando no fluxo do site de um cliente.

No entanto, enquanto alguns intermediários estão sob seu domínio, essa métrica específica provém de portais de terceiros. Por isso, é muito valorizada e conta pontos para o posicionamento da marca no Google.

Além disso, também pode ajudar a analisar a relevância do conteúdo exposto em uma página. Isso vale tanto para quem o indica quanto para quem visitará depois de clicar no link de referência.

Inclusive, esses dados também refletem no aumento da autoridade do negócio. Então, é importante conversar com o cliente sobre investir em ações que impulsionem o tráfego de referência.

Como medir o tráfego de referência?

Uma vez que esse medidor é disponibilizado pelo Google Analytics, para acessá-lo você precisa ter uma conta na plataforma.

Agora, no menu do lado esquerdo da tela, clique em “Relatórios” > “Aquisição” > “Todo o tráfego” > “URLs de referência”. Aqui, estarão todos os links pelos quais os visitantes acessaram seu site.

Para conhecer a taxa de referência, identifique o total de cliques e a origem deles. Por exemplo, você recebeu 1000 visitantes em um mês dos quais 100 vieram de links de referência. Dessa forma, a taxa mensal é de 10%.

No Google Analytics, você consegue escolher o período a ser analisado e avaliar as fontes do fluxo. Assim, é possível otimizar as campanhas e analisar quais ações são mais assertivas para atingir o objetivo de cada cliente.

3 passos para aumentar a taxa de referência de um site

Para garantir melhores resultados com o tráfego de referência, é fundamental conhecer seu público. Isso porque não basta identificar de onde ele vem, mas também saber por que eles acessam o site. Em outras palavras, o que eles esperam encontrar nas suas páginas.

Com essas informações, ficará mais fácil oferecer um conteúdo de interesse e relevância. Logo, as chances de fazer com que ele visite o portal com frequência aumentam bastante.

Para isso, é importante pensar em alianças estratégicas para realizar ações de marketing digital que garantam bons resultados. Abaixo, reunimos 3 estratégias que podem ajudar. Veja só:

Co-marketing

Essa atuação reúne empresas não concorrentes, mas que se comunicam com o mesmo púbico. Dessa forma, é possível criar materiais em conjunto que agreguem valor aos consumidores.

Elas podem apostar em webinars, pesquisa de mercado, conteúdos ricos, dentre outros materiais.

Ao serem disponibilizados nos sites dos negócios envolvidos, é possível ampliar o alcance, atraindo um novo público. Além disso, também dá para utilizar a autoridade de uma empresa para impulsionar ou apresentar uma nova marca ao mercado.

Guest post

Essa estratégia consiste na produção de conteúdos como autor convidado em blogs de outras empresas. Isso permite inserir o link do site da empresa nessas páginas, atraindo a atenção de um novo público.

Para aumentar o tráfego de referência, é importante escolher parceiros que tenham alguma relação com os assuntos do negócio.

Compartilhamento em redes sociais

Hoje, é fundamental marcar presença nas redes sociais. Claramente, elas são ótimas soluções para gerar mais tráfego de referência para um site.

Para isso, é preciso otimizar as landing pages e sites para que sejam acessadas por diferentes plataformas. Inclusive, o Google diz que ser amigável com o mobile é um fator importante para o ranqueamento de sites.

Como visto, essas ações podem ajudar a otimizar a experiência dos usuários que chegam até o site. Dessa forma, é possível transformar a empresa em uma referência no setor e alcançar excelentes resultados.

Autor

Dennis Barreto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Utilizamos cookies para garantir a melhor experiência em nosso site. Se você continuar a usar este site, assumiremos que você está satisfeito com ele.